Pular para o conteúdo

Como lidar com a sobrecarga de informação

17 de Janeiro de 2024.
Tempo de leitura: 3 minutos.

Fiquei uma semana sem meu computador, o danado decidiu pifar justamente quando mais precisava.

Ontem o bom filho retornou a casa 🐱‍🏍

Mas vamos ao que interessa…


Você já teve uma sensação de exaustão mental no final do seu dia?
Não tinha forças para pensar ou fazer nada?

Se você respondeu sim para essas perguntas você não está sozinho.

Por que isso importa?
Pesquisadores, descobriram que consumimos cerca 34GB de informações diárias.

Isso equivale a aproximadamente 176 jornais impressos.

Não a cérebro que suporte.
Mas antes de apresentar os meus segredos (que nem são segredos) precisamos identificar os excessos.

Como identificar excessos?

Graças a tecnologia, existem formas efetivas de identificar, medir e analisar.

Algumas delas:

  • Use o Bem-estar digital (Android) e Tempo de Uso (iOS);
  • Outra opção: Timecamp.

Recomendo acompanhar durante uma semana. O resultado pode ser revelador.

Isso vai te nortear a tomar decisões práticas.

Depois de identificar faça esses três passos:

1. Faça uma dieta de informação

A máxima menos é mais nunca fez tanto sentido. O primeiro passo é: consuma menos informações.

Por que isso importa?
Assim como comer porcaria vai fazer mal para sua saúde, o excesso de informações vai te adoecer mentalmente.

Um segundo cérebro auxilia nessa tarefa e cria uma espécie de barreira para sua sanidade mental.

Adote estratégias como:

  • Defina tempo de uso em cada aplicativo;
  • Deixe o celular no silencioso durante o trabalho;
  • Desligue o celular.

2. Planeje seus dias

A sobrecarga de informações, geralmente vem acompanhada da navegação irracional.

Você acorda, pega no celular, checa seus e-mails, da uma espiada na rede social e o tempo passa…

Por que isso importa?

Redes sociais são projetadas para prender sua atenção a todo custo. Existem gatilhos psicológicos por lá. Não é atoa que o feed é infinito, já pensou nisso?

Ao invés de cair nas garras das redes pela manhã, faça:

  • Evite o celular na primeira hora do dia;
  • Tome sol pela manhã, 10 minutos no mínimo;
  • Crie o hábito de escrever suas ideias e pensamentos.

Use a tecnologia ao seu favor

Devemos usá-la como ferramentas para auxiliar nosso trabalho e vida, não como o objetivo final.

Um sábio já dizia:

Para tudo há uma ocasião certa;
há um tempo certo para cada propósito
debaixo do céu.
Ec 3:1

Por que isso importa?
Adoramos distração e nosso cérebro se comporta como um viciado esperando a próxima dose de dopamina. Mas você pode e deve manter o controle.

Temos a oportunidade de filtrar, organizar e centralizar dados com sua ajuda.

Alguns ações que podem ajudar:

Bônus

Tudo que comentei é explicado melhor no Construindo seu segundo cérebro, um excelente ponto de partida para melhorar nossas vidas.

E para concluir:

Nunca na história da humanidade, nossos cérebros tiveram que trabalhar com tanta informação quanto hoje.
Agora temos uma geração de pessoas que passam muitas horas na frente de um monitor de computador ou telefone celular e que estão tão ocupadas em processar as informações recebidas de todas as direções, então eles perdem a capacidade de pensar e sentir.
A maioria dessas informações é superficial. As pessoas estão sacrificando a profundidade e o sentimento e isoladas de outras pessoas.
Edward Hallowell

Para se aprofundar

Gostou do post?

Eu me esforcei muito para manter este site e gosto muito de interagir com meus leitores.

Meu combustível preferido é o café, então se você gostou deste post, ou achou-o útil, considere me apoiar. ❤️

Você pode me apoiar pelo ou .